CLASSIFICAÇÃO DOS FONEMAS

Atualizado: Mai 4


A CLASSIFICAÇÃO DOS FONEMAS


Os fonemas se classificam em vogal, consoante e semivogal.

VOGAL


A vogal, na fala, é o fonema sonoro produzido pela passagem sem obstrução do ar pela boca.

Na escrita, é a letra que representa esse fonema.

[a] [é] [ê] [i] [ó] [ô] [u]


CONSOANTES

São ruídos que, em sua articulação, resultam de algum obstáculo encontrado pela corrente de ar. As consoantes só conseguem formar sílaba quando acompanhadas de vogal.

Exemplos: dado, gato, jiló, rato.

SEMIVOGAL


Na fala, é a vogal breve, com som semelhante ao das vogais [i] e [u].

Exemplo: corrói, saudade, parreira


SÍLABA


A sílaba é um fonema ou grupo de fonemas pronunciados em uma só emissão de voz.

A sílaba pode ser tônica ou átona.

Exemplo:

Urubu – u-ru-bu


1) Quanto ao número de sílabas, as palavras se classificam em:


a) Monossílabos – têm apenas uma sílaba. Exemplos: de, e, lá.

Monossílabos tônicos – pá, pé, pó

Monossílabos átonos – na, de, e


b) Dissílabos – têm duas sílabas. Exemplos: para, bola, fala


c) Trissílabos – têm três sílabas. Exemplos: panela, janela, mochila


d) Polissílabos – têm quatro ou mais sílabas. Exemplos: habitantes, reprimidos.


2) Quanto à posição da sílaba tônica, as palavras podem ser:


a) Oxítonas – são aquelas em que a última sílaba é tônica. Exemplos: cajá, café, cipó, capital, urubu.


b) Paroxítonas – são aquelas em que a penúltima sílaba é tônica. Exemplos:

Álbum, janela, táxi, órfão.


c) Proparoxítonas – são aquelas em que a antepenúltima sílaba é tônica. Exemplos: música, étnicas, Matemática.


Bibliografia:

Gramática da Língua Portuguesa, Evanildo Bechara.

Gramática, Literatura & Redação, Ernani & Nicola, editora Scipione.


#gramática #línguaportuguesa #professoraanarita #literaturaeredacao

50 visualizações

© 2019 -2020 por LITERATURA E REDAÇÃO                                              Rio de Janeiro - Brasil

  • w-facebook
  • Twitter Clean
  • White Google+ Icon

 Tel  21-99321-0173 / contato@literaturaeredacao.com