EMPREGO DA VÍRGULA

Atualizado: 26 de Ago de 2018

A vírgula indica, na leitura, uma pausa breve e é usada para separar frases encadeadas entre si ou elementos dentro de uma frase. (Dicionário Houaiss)

Para ajudar melhor na compreensão da regra, observe os exemplos:

Usa-se a vírgula enre os termos da oração:

1) Em caso de APOSTO:

Giuseppe Garibaldi, o herói de duas pátrias, lutou pela liberdade.




2) Em caso de VOCATIVO:

Um minutinho, João, que o café vai sair logo.


3) Em caso de ENUMERAÇÃO:

Os homens, os animais, os vegetais fazem parte do ecossistema.


4) Com certas palavras e/ou expressões explicativas, conclusivas, retificativas ou enfáticas, tais como: pois, porém, outrossim, isto é, a saber, assim, bem. com efeito, sim, não , ou melhor, digo, por exemplo etc.

Com efeito, valeu a pena o nosso esforço.

Todos viram o filme, ou melhor, a maioria.


5) Em datas:

Rio de Janeiro, 21 de março de 2018.


6) Em caso de supressão do verbo (zeugma):

Pedro lê contos; Luciana, romances. (Luciana lê romances)


7) Com adjuntos adverbiais, especialmente quando deslocados de sua posição normal. A Língua Portuguesa mantém a estrutura padrão de:

substantivo + verbo + objeto + complemento;

Tendo como complemento o advérbio entre outros. Sendo assim, não haverá vírgulas nessa estrutura padrão, mas se eu desloco o advérbio para o início ou meio da frase, virá entre vírgulas.

EXEMPLO:

Paula comprou um carro ontem. (Não há vírgulas!)

Ontem, Paula comprou um carro.

Paula, ontem, comprou um carro.

Paula comprou, ontem, um carro.

Hoje, agorinha mesmo, inesperadamente, o chefe voltou.


8) Em caso de complemento repetido (pleonasmo);

As jovens, devemos-lhes falar a verdade.

A mentira, sempre a detestei.

Devotei-te, a ti, a máxima estima.


9) Entre o nome da rua e o número do imóvel:

Rua 24 de Outubro, 7023.


10) Antes da abreviação etc.:

O juiz mostrou-se calmo, amável, educado, etc.


11) Em caso de transposição de elementos:

Contente e vitorioso, entrou o chefe da equipe.


12) Em casos de gradação:

Aqui, canta-se; ali, dança-se; acolá, bebe-se.

Como você pode observar, a partir da explicação dada no item 6, torna-se simples, e, até mesmo, em alguns casos, redundante, as explicações dadas para a colocação da vírgula. Espero que você tenha entendido. Em casos de dúvidas, deixe aqui nos comentários ou envie um e-mail que eu ficarei feliz em responder. Meu e-mail: literaturaeredacaosempre@gmail.com.

Lindo dia!

Até a próxima aula!

Professora Ana Rita


56 visualizações

© 2019 -2020 por LITERATURA E REDAÇÃO                                              Rio de Janeiro - Brasil

  • w-facebook
  • Twitter Clean
  • White Google+ Icon

 Tel  21-99321-0173 / contato@literaturaeredacao.com